Governo do Distrito Federal
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
8/07/24 Ă s 17h43 - Atualizado em 9/07/24 Ă s 9h12

đŸššđŸ€đŸœGDF recebe representantes da PolĂ­cia Nacional da RepĂșblica Dominicana

Carolina Alonso, da Ascom SSP-DF

 

A Secretaria de Segurança PĂșblica do Distrito Federal recebeu nesta segunda-feira (8) a comitiva da PolĂ­cia Nacional da RepĂșblica Dominicana. O objetivo da visita tĂ©cnica foi reforçar a integração das polĂ­cias no Ăąmbito internacional, visando troca de experiĂȘncias e alinhamentos estratĂ©gicos de ação.

 

A comitiva tem visitas marcadas para toda a semana nas sedes da Polícia Militar (PMDF), Corpo de Bombeiros Militar (CBMDF), Batalhão de OperaçÔes Especiais (BOPE), Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque), Laboratório de Criminalística e Colégio Militar Tiradentes | Fotos: Rodrigo de Castro/SSP-DF

 

Os representantes general Juan GuzmĂĄn Badia, subdiretor da PolĂ­cia Nacional; coronel Roberto Luis Lerebours, diretor de cooperaçÔes e relaçÔes internacionais da PolĂ­cia Nacional e coronel Edgar Arnaud, diretor da PolĂ­cia CibernĂ©tica participaram de visita tĂ©cnica na sede do Centro Integrado de OperaçÔes de BrasĂ­lia (CIOB) e foram recepcionados pelo secretĂĄrio de Segurança PĂșblica do Distrito Federal, Sandro Avelar.

 

O objetivo da visita tĂ©cnica foi reforçar a integração das polĂ­cias no Ăąmbito internacional, visando troca de experiĂȘncias e alinhamentos estratĂ©gicos de ação

 

Na pauta, a apresentação do programa DF Mais Seguro – Segurança Integral, que efetivamente tem contribuĂ­do para que o DF seja destaque, agora internacional, em redução de criminalidade. “A PolĂ­tica de Segurança implementada aqui, e que jĂĄ Ă© referĂȘncia no Brasil, engloba imprensa, instituiçÔes religiosas, universidades, conselhos comunitĂĄrios e setor produtivo no desenvolvimento e aprimoramento das medidas de segurança”, frisou o secretĂĄrio de Segurança PĂșblica do Distrito Federal, Sandro Avelar.

 

“O programa engloba projetos especĂ­ficos para o enfrentamento a violĂȘncia domĂ©stica, violĂȘncia contra idosos e crianças, fortalecimento da saĂșde do servidor, proteção Ă s escolas e a segurança pĂșblica no Distrito Federal como um todo”, frisou secretĂĄrio executivo de GestĂŁo Integrada, coronel Bilmar Angelis.

A comitiva tem visitas marcadas para toda a semana nas sedes da Polícia Militar (PMDF), Corpo de Bombeiros Militar (CBMDF), Batalhão de OperaçÔes Especiais (BOPE), Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque), Laboratório de Criminalística e Colégio Militar Tiradentes.

 

Segundo o General Juan GuzmĂĄn Badia, subdiretor da PolĂ­cia Nacional da RepĂșblica Dominicana, “Certamente ouvimos importantes tĂ©cnicas de uma equipe que Ă© referĂȘncia quando o assunto Ă© resposta rĂĄpida. Esse intercĂąmbio de informaçÔes Ă© essencial se quisermos realizar uma transformação na PolĂ­cia Nacional em nosso paĂ­s. As diferentes polĂ­cias e todo o formato da segurança pĂșblica que se aplica aqui, usaremos o melhor de tudo para ajudar a RepĂșblica Dominicana, sobre o que tem dado certo aqui em BrasĂ­lia serĂĄ de muita valia para a implantação em nosso sistema de segurança.

 

Edição: Adriana Machado e AgĂȘncia BrasĂ­lia

Governo do Distrito Federal