Governo do Distrito Federal
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
16/04/24 às 13h43 - Atualizado em 16/04/24 às 14h02

👩🏼‍🚒Corpo de Bombeiros Militar do DF tem novo comandante-geral

Agência Brasília

 

O Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) tem um novo comandante-geral. O coronel Sandro Gomes Santos da Silva assumiu o cargo substituindo a coronel Mônica Mesquita, que foi transferida para a reserva após um ano como comandante-geral. O militar se apresentou ao cargo na manhã desta terça-feira (16) durante visita ao gabinete do governador Ibaneis Rocha no Palácio do Buriti.

 

A troca foi oficializada na tarde de segunda-feira (15) com a publicação na edição extra A do Diário Oficial do Distrito Federal (DODF). Antes de ser nomeado para a função, Sandro Gomes Santos da Silva estava como subcomandante-geral da corporação e, entre 2023 e 2024, foi subsecretário de Defesa Civil do DF. Ele ingressou no CBMDF em março de 1995, é formado em engenharia civil e tem MBA em gerenciamento de projetos.

 

Ibaneis Rocha: “O Governo do Distrito Federal não tem medido esforços para garantir o bom trabalho dos bombeiros, construindo quartéis e convocando novos militares para a tropa” | Foto: Renato Alves/ Agência Brasília

 

“O Governo do Distrito Federal não tem medido esforços para garantir o bom trabalho dos bombeiros, construindo quartéis e convocando novos militares para a tropa. Hoje recebi o nosso novo comandante-geral e faço votos de que ele continue desempenhando um trabalho em prol da população. Também aproveito para agradecer à coronel Mônica Mesquita que fez história se tornando a primeira comandante-geral da corporação no país”, afirmou o governador Ibaneis Rocha.

 

O secretário de Segurança Pública, Sandro Avelar, destacou que o novo comandante é bastante respeitado na instituição e assumir o comando era um caminho natural dentro da corporação. “Ele já vinha ocupando o subcomando de forma que conhece as necessidades do posto. Então temos uma expectativa muito boa”, declarou. “O Corpo de Bombeiros vive um bom momento, em que a corporação vem trabalhando com tranquilidade. A coronel Mônica fez um grande trabalho ao se firmar como o primeiro nome feminino a ocupar essa posição. Isso nos enche de orgulho”, completou.

 

O novo comandante-geral do CBMDF, Sandro Gomes, disse que todo bombeiro militar sonha em ocupar o cargo e, com ele, não foi diferente. “São 29 anos de carreira. Desde quando entrei no Corpo de Bombeiros, todo oficial que vai fazer o curso de formação espera ocupar o posto máximo. Com apoio de todas as autoridades, do Corpo de Bombeiros e do governador estou aqui chegando a esse lugar e me comprometo a dar meu máximo”, afirmou.

 

Segundo o coronel, ele pretende fortalecer a parte logística dos bombeiros e também garantir a qualidade de vida dos militares. “Precisamos otimizar nossos recursos cada vez mais e fazer novas aquisições mais assertivas em equipamentos e quartéis. Nosso objetivo é poder dar assistência à população”, revelou.

 

Sandro Gomes ainda afirmou que vai dar continuidade ao trabalho iniciado por Mônica Mesquita. “Tive um bom aprendizado com ela quando fiquei como subcomandante. Peguei um pouco da sabedoria e tranquilidade dele e vou tentar implementar isso no meu comando para tentar dar o melhor possível para a sociedade”, acrescentou.

 

 

Governo do Distrito Federal