Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
9/09/20 às 18h11 - Atualizado em 9/09/20 às 18h18

🎥📸📝SSP/DF e Educação lançam concurso cultural para colégios cívico-militares

COMPARTILHAR

Adriana Machado, da Ascom – SSP/DF

 

As secretarias de Segurança Pública (SSP/DF) e de Educação (SEE/DF) lançaram, nesta quarta-feira (9), o I Concurso Cultural da Segurança Pública para os Colégios Cívico-Militares do DF. Com o tema Segurança conectada: o olhar da juventude sobre a cultura de paz e a pandemia, a competição é destinada aos 15 mil alunos matriculados nas dez unidades de ensino do projeto Escolas de Gestão Compartilhada. O edital pode ser conferido neste link.

 

Os estudantes poderão fazer inscrição para as modalidades de fotografia, redação e vídeo. O público-alvo são adolescentes do ensino fundamental II (entre o 6º e o 9º ano) e do Ensino Médio (1º, 2º e 3º anos). As inscrições devem ser feitas a partir da próxima segunda-feira (14) (indo até 11 de outubro) no site da SSP/DF.

 

 

Poderão participar alunos matriculados no Centro Educacional 03 de Sobradinho; no Centro Educacional 01 da Estrutural; no Centro Educacional 07 da Ceilândia; no Centro Educacional 308 do Recanto das Emas; no Centro Educacional Condomínio Estância III Planaltina; no Centro de Ensino Fundamental 407 de Samambaia; no Centro Educacional 01 do Itapoã; no Centro de Ensino Fundamental 19 de Taguatinga; no Centro de Ensino Fundamental 1 do Núcleo Bandeirante; e no Centro de Ensino Fundamental 01 do Riacho Fundo II.

 

“A iniciativa faz parte do conjunto de esforços para viabilizar ações voltadas à prevenção da violência e da criminalidade em meio à pandemia da Covid -19. É uma forma de aproximar esses alunos e dar continuidade ao trabalho que estava sendo desenvolvido desde o ano passado”, explica o secretário de Segurança Pública, delegado Anderson Torres.

 

Para o secretário de Educação, Leandro Cruz, o concurso é mais uma importante ação das secretarias para implementação do projeto Escolas de Gestão Compartilhada. “O objetivo principal é promover a reflexão sobre a cultura de paz em tempos de pandemia, diante da suspensão das aulas presenciais e da necessidade de manutenção da oferta educacional por meio do ensino mediado por tecnologias. A Educação e a Segurança Pública seguem conectadas para ofertar educação de qualidade a esses estudantes”, ressalta.

 

 

Sete trabalhos de cada modalidade serão escolhidos para votação do público. A seleção será feita por uma equipe técnica formada por servidores da SSP/DF e da SEE/DF, especialistas nas áreas do concurso.

“A votação será realizada por meio do perfil do Instagram da SSP/DF, entre os dias 25 de outubro a 6 de dezembro. Os três primeiros colocados, em cada uma das três modalidades, serão premiados com smartphone, notebook ou tablet”, explica o subsecretário de Prevenção à Criminalidade (Suprec), da SSP/DF, Manoel Arruda.

Ele esclarece que os participantes terão de desenvolver temas voltados para a cultura de paz. “Eles deverão fotografar, fazer vídeos ou redação abordando temas como tolerância, cooperação, respeito à vida, respeito às individualidades, solidariedade, comunicação não violenta”.

 

Além de estimular a criatividade dos alunos, o concurso foi pensado para engajá-los e chegar até eles, de acordo com as possibilidades permitidas neste período de pandemia. “Essa é mais uma etapa relevante no processo de mudança das escolas em situação de vulnerabilidade. A estratégia da gestão compartilhada tem sido efetiva no apoio ao sistema de ensino local e se adaptou em meio à pandemia”, conta o subsecretário Interino de Escolas de Gestão Compartilhada (Segecom), da SSP/DF, Valdemir Gomes.

 

A redação poderá ser feita em três formatos: poesia, conto/cordel ou relato de experiência, que deverão ter entre 15 e 30 linhas. A comissão julgadora irá avaliar adequação ao tema proposto, criatividade, originalidade e correção ortográfica e gramatical.

 

Na modalidade fotografia, o aluno deverá registrar uma imagem, que, além de ser inédita, deverá ser de autoria do inscrito. O registro fotográfico poderá ser realizado com aparelho celular ou câmera digital, em formato em JPEG (ou JPG), com tamanho máximo de 2Mb.

 

O participante poderá incluir, junto da imagem, um texto explicativo de no máximo 7 linhas e seguir critérios de adequação ao tema proposto, criatividade e composição.

 

Aqueles que optarem pelo formato vídeo deverão atentar-se para enviar material autoral, com duração igual ou inferior a um minuto, computando o tempo destinado aos créditos.

 

O gênero será de livre escolha, podendo ser um documentário, ficção, animação, por exemplo.  O estudante poderá utilizar qualquer equipamento para a realização das filmagens – celular, câmera digital e/ou filmadora – dando importância para a boa qualidade do som. A escolha será feita com base na adequação ao tema proposto e criatividade.

 


Oficina
Durante o prazo de inscrições, professores da rede pública de ensino e servidores da SSP/DF capacitados
das áreas de redação, fotografia e vídeo farão uma live no Instagram da SSPDF para dar
dicas de produção dos trabalhos. A data será divulgada em breve.

 

Edição: João Roberto

Arte: Ascom – SSP/DF