Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
4/04/19 às 12h54 - Atualizado em 4/04/19 às 14h04

PCDF cumpre mandados em gráfica e prende quatro

COMPARTILHAR

 

 

Divisão de Comunicação, da Polícia Civil do Distrito Federal

 

A Polícia Civil do Distrito Federal — PCDF, por meio da Coordenação de Repressão aos Crimes Contra o Consumidor, a Propriedade Imaterial e a Fraudes – Corf, realizou, na tarde dessa quarta-feira (3), o cumprimento de mandados de busca e apreensão em uma gráfica que funcionava na QNM 4 – Ceilândia/DF. No local, foram presos em flagrante quatro homens que produziam carteiras de habilitação falsas.

 

As investigações conduzidas pela Difraudes/Corf confirmaram que a respectiva gráfica servia de laboratório destinado à falsificação de diversos documentos públicos, os quais eram difundidos em todo o Distrito Federal.

 

No interior do local foram apreendidos cem espelhos em branco de identidades; seis espelhos de certificados de registro e licenciamento de veículos; selos falsificados, referentes a departamentos de trânsito de várias unidades da federação (GO, SP, MG, MT, PR, PB, TO) e do Distrito Federal; 14 cártulas de cheque em branco; espelhos de certidões de cartórios em branco; impressoras; dispositivos de armazenamento, contendo vasta documentação relativa à produção de documentos; diversos apetrechos destinados à produção de documentos falsos; e cerca de R$ 2,2 mil, em espécie.

 

As quatro pessoas presas em flagrante (M.J.F.F., 49; J.A.F.A., 56; M.M.S., 55; S.M.R., 40) irão responder pelos crimes de associação criminosa, falsificação de documento público e receptação. J.A.F.A. também irá responder por uso de documento falso. Os criminosos foram recolhidos à carceragem da PCDF após os procedimentos legais.

 

De acordo com o coordenador da Corf, delegado Wisllei Salomão, as investigações prosseguem no sentido de identificar os clientes da gráfica que compravam documentos falsos e verificar como e onde esses documentos foram utilizados.