Governo do Distrito Federal
2/01/23 às 10h52 - Atualizado em 2/01/23 às 16h53

🚨👮🏼‍♀️👩🏼‍🚒Órgãos do DF garantiram segurança na posse presidencial

Ascom – SSP/DF

 

O Protocolo de Ações Integradas (POI) da operação Posse Presidencial foi colocado em prática neste domingo (1º), sob a coordenação da Secretaria de Segurança Pública (SSP). O documento foi pactuado entre órgãos locais e federais após reuniões e levantamentos de inteligência, segurança, mobilidade urbana e preservação do patrimônio público.

 

Foram registrados quatro incidentes relacionados à posse presidencial. Pouco antes de meio-dia, a Operação Petardo foi acionada para verificar uma sacola plástica suspeita, na Estação 108 Sul. A ameaça de bomba foi descartada pelos policiais militares do Esquadrão de Bombas, do Batalhão de Operações Especiais (Bope), da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF).

Forças de segurança controlaram os acessos à Esplanada dos Ministérios | Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

No período da manhã, durante revista do público que chegava à Esplanada, um homem foi detido e encaminhado à delegacia por porte de arma branca (faca) e fogos de artifício.

 

No início da tarde, uma mochila foi encontrada nas imediações da Praça dos Três Poderes. A Operação Petardo foi novamente acionada. Por volta das 16h, uma mochila sem identificação do proprietário foi localizada próximo ao Ministério da Aeronáutica. Por precaução, ambos os objetos foram removidos e detonados pelo Bope.

Em nenhum dos dois casos foi confirmada a presença de material explosivo.

 

A Esplanada dos Ministérios foi fechada da alça leste da Rodoviária do Plano Piloto até a via L4, e a entrada na Praça dos Três Poderes, restrita. O acesso do público ao local dos shows ocorreu pela via N1, com acompanhamento das forças de segurança.

 

Durante a posse presidencial, o Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran) atuou no controle de trânsito em pontos fixos das vias N3 e S3, na alça leste e na plataforma superior da rodoviária. Equipes de Policiamento e Fiscalização de Trânsito do Detran realizaram patrulhamento na área central para promover a segurança viária e coibir o desrespeito às normas de trânsito.

 

Até as 20h, o Corpo de Bombeiros Militar do DF (CBMDF) registrou 160 atendimentos, cinco dos quais precisaram de encaminhamento a hospitais, mas sem gravidade. Outros 34 foram encaminhados para o posto do Samu, montado na Cidade da Segurança, e os demais,  finalizados nas viaturas ou no local. Foram atendimentos clínicos, como de pressão alta, desidratação, mal-estar devido ao calor e outros que não exigiam intervenção médica.