Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
10/12/21 Ă s 13h14 - Atualizado em 10/12/21 Ă s 13h32

đŸ–đŸœđŸ‘©đŸœâ€đŸŠ±đŸ‘©đŸŒ Live da Segurança PĂșblica debate o enfrentamento da violĂȘncia de gĂȘnero

Adrianas Machado, da Ascom – SSP/DF

 

 

Nesta sexta-feira (10), a Secretaria de Segurança PĂșblica do DF (SSP) faz uma live com temĂĄtica voltada ao enfrentamento da violĂȘncia de gĂȘnero. Desta vez, o debate on-line serĂĄ sobre os avanços no Programa de Segurança Preventiva para Ofendidas em Medidas Protetivas de UrgĂȘncia – o Viva Flor. A transmissĂŁo, ao vivo, serĂĄ feita por meio do perfil da SSP no Instagram, a partir das 16h.

 

 

O objetivo Ă© explicar a nova versĂŁo do Viva Flor, que deixa de ser um aplicativo e passa a ser um dispositivo, que consiste em aparelho similar a um smartphone, disponibilizado de acordo com critĂ©rios estabelecidos pela Justiça. Com  funçÔes restritas para o uso como instrumento de proteção, o aparelho inova em relação ao aplicativo anterior por permitir o acompanhamento do deslocamento da vĂ­tima em tempo real, indicando a localização de forma dinĂąmica em caso de acionamento emergencial por risco iminente de violĂȘncia ou grave ameaça.

 

“É imprescindĂ­vel abordar esta temĂĄtica sempre que pudermos, pois esta Ă© uma das formas que incentivamos a denĂșncia. Continuamos avançando em nossas polĂ­ticas de enfrentamento Ă  violĂȘncia domĂ©stica e famĂ­lia e este Ă© um canal em que podemos tirar as dĂșvidas e nos aproximarmos do pĂșblico em geral”, ressalta o secretĂĄrio de Segurança PĂșblica, JĂșlio Danilo.

 

A entrevistada será a coordenadora de Suporte Operacional da Subsecretaria de Prevenção à Criminalidade (Suprec), Rosineide Sá. “O novo dispositivo amplia a proteção e democratiza o acesso a mulheres vulneráveis economicamente, pois muitas não podem não ter acesso a smartphones com pacote de dados, o que anteriormente dificultaria a entrada ao programa. Vamos explicar as principais mudanças”, enfatiza.

 

Live Viva Flor

Avanço no Programa de proteção Ă s mulheres vĂ­timas de violĂȘncia

16h

Instagram da @ssp.df

 

Edição: João Roberto