Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
16/09/19 às 17h16 - Atualizado em 16/09/19 às 18h33

Dema flagra parcelamento irregular em área do Lago Norte

COMPARTILHAR

Divicom, da PCDF

 

A Polícia Civil do Distrito Federal, por intermédio da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente e a Ordem Urbanística – Dema e apoio da equipe da 9ª Delegacia de Polícia, prendeu em flagrante uma pessoa pela prática de parcelamento irregular do solo para fins urbanos. A ação ocorreu na tarde de quinta-feira (12), no Lago Norte.

 

Após o recebimento de informações por parte da Administração Regional do Lago Norte, os policiais civis seguiram até a CA 11, onde verificaram uma área murada e constataram a realização de obras de nivelamento do solo e abertura de ruas.

 

Trata-se de uma área pública de 20.132.124 m², situada na Área de Preservação Ambiental do Lago Paranoá, que faz parte do patrimônio da companhia imobiliária de Brasília – Terracap. No local estava sendo implementado o condomínio irregular denominado “Chácara Iguatemi Ville”, em área considerada nobre no Distrito Federal.

 

O condomínio, localizado nas proximidades do Shopping Iguatemi, disponibilizaria de área de lazer e seria constituído de 36 lotes, que variavam entre 340 m² a 635 m², e eram vendidos por cerca de R$ 200 mil, cada. Caso todos fossem vendidos, geraria lucro total de, no mínimo, R$ 7,2 milhões.

 

Foram veiculados anúncios de vendas em mídias sociais, além de folders e encartes mostrando a planta virtual do empreendimento. As investigações continuam com o objetivo de identificar e responsabilizar demais envolvidos.

 

“Alertamos a população do Distrito Federal que todo aquele que, de alguma forma, participa da implementação de loteamentos irregulares estará sujeito à responsabilização criminal”, ressalta a delegada adjunta da Dema, Mariana Almeida.

 

 

Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília

Arte: Divicom