Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
15/06/18 às 17h46 - Atualizado em 29/10/18 às 12h51

? Chefes da Segurança Pública do DF recebem Medalha do Exército

COMPARTILHAR

Shismênia Oliveira 

 

Nove autoridades foram condecoradas, nesta sexta-feira (15), com a Medalha Exército Brasileiro, em cerimônia realizada no Salão de Honra do Comando Militar do Planalto (CMP). Entre os agraciados estão o secretário da Segurança Pública e da Paz Social, Cristiano Sampaio, e o adjunto da pasta, Alessandro Moretti. O evento contou com a participação de militares do CMP e de familiares dos homenageados.

 

A comenda é oferecida, todo ano, a cidadãos e instituições civis das Forças Armadas ou Auxiliares – Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar – por relevantes serviços prestados ao Exército.

Secretário Cristiano Sampaio, general Sérgio Negraes e secretário adjunto Alessandro Moretti

 

Para o comandante Militar do Planalto, general Sérgio da Costa Negraes, os condecorados mereceram o reconhecimento pelo empenho dedicado, principalmente, durante a paralisação dos caminhoneiros. “Recebemos a rapidez e a pronta resposta que foi dada àqueles desafios graças aos seus conhecimentos e aos seus valores”, elogiou.

 

Durante a greve, que ocorreu entre os dias 21 e 30 de maio, houve um gabinete de acompanhamento criado na SSP/DF com diversos órgãos do Governo do Distrito Federal e do governo federal para monitorar e minimizar os impactos à população. O Exército marcou presença no gabinete de gestão e trabalhou de forma articulada com os órgãos de segurança pública do DF.

 

Também receberam a medalha os comandantes da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, coronéis Marcos Antônio Nunes e Luiz Cláudio Castro, e o diretor-Geral do Departamento de Trânsito, Silvain Fonseca.

 

O subsecretário de Operações, coronel Julian Pontes, e o chefe da Central Integrada de Atendimento e Despacho, delegado José Medeiros, estiveram ainda entre os agraciados, além do comandante da 9ª Região da PM de Minas Gerais, coronel Cláudio Vitor Rodrigues Rocha, e do inspetor de Polícia Rodoviária Federal, Vandervaldo Lima.