Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
6/02/20 às 17h12 - Atualizado em 6/02/20 às 17h33

🧩🧾Nova credencial de estacionamento para autista é lançada nesta quinta-feira (6)

COMPARTILHAR

Adriana Machado, da Ascom РSSP/DF, com inform̵̤es do Detran-DF

 

Um novo modelo de credencial para autistas passa a ser adotado no Distrito Federal. O lançamento do documento – que terá maior tamanho e o símbolo da síndrome – ocorreu no Palácio do Buriti, nesta quinta-feira (6). Além disso, o procedimento para emissão da credencial passará a ser mais simples, sendo necessário a apresentação do relatório médico comprobatório e não mais a avaliação da junta médica do Departamento de Transito do Distrito Federal (Detran-DF), quem emite o documento. A alteração foi publicada no Diário Oficial do DF na última sexta-feira (31) e entra em vigor em 30 dias.

 

A Lei Distrital nº 4.568/2011 garante ao condutor do veículo que estiver transportando uma pessoa autista tenha o direito ao uso das vagas especiais em estacionamentos reservados às pessoas com deficiência dentro do Distrito Federal. Os veículos devem, obrigatoriamente, exibir credencial de estacionamento sobre o painel do veículo, com a frente voltada para cima.

 

Para o secretário de Segurança Pública do Distrito Federal, delegado Anderson Torres, a medida é de extrema necessidade.

Para o secretário de Segurança Pública do Distrito Federal, delegado Anderson Torres, a medida é de extrema necessidade. “Temos muitos desafios, mas ações como essa nos deixam muito honrados, pois sabemos que irá ficará marcado na história do Distrito Federal. Esperamos que a iniciativa seja adotada por outros estados brasileiros”.

 

A presidente do Conselho Pátria Voluntária, a primeira-dama Michelle Bolsonaro, esteve presente e parabenizou a medida. “Esta é mais uma vitória para pais, mães e cuidadores de autistas, que ao receberem o diagnóstico desta síndrome, recebem também uma missão”.

 

A dificuldade em estacionar sem uma credencial maior e com a identificação foi relatada pela mãe que recebeu, de forma simbólica, a primeira credencial, Gisele Cristene. “Nunca consegui estacionar sem ser questionada, pois as pessoas viam meu filho, hoje com 27 anos, saindo do carro normalmente, mas não sabiam o que ele tinha. A questão burocrática também é uma conquista, pois era muito demorado termos acesso à credencial”.

A primeira-dama do país, Michele Bolsona, apoia a inicativa

Serviço
Para solicitar a credencial para a pessoa autista é necessário entregar o requerimento nos núcleos de Protocolo do Detran-DF, anexando os seguintes documentos:

• Formulário próprio disponível no site no endereço: http://www.detran.df.gov.br/servicos-servicos-formularios-html;
• Original ou cópia da certidão de nascimento da pessoa autista;
• Original ou cópia do documento de identificação com foto do responsável ou procurador legal;
• Relatório de avaliação preenchido e assinado por médico neurologista ou psiquiatra, com CRM.
• Poderá ser utilizado o laudo apresentado junto à Receita Federal para redução de IPI ou Laudo apresentado junto à Secretaria de Fazenda para isenção de ICMS, desde que contenham as mesmas informações do relatório de avaliação

 

 

 

Selo Detran-DF de Identificação do Autista

Edição: Lanna Morais

Foto: Maurício Araújo