Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
5/03/20 às 17h04 - Atualizado em 5/03/20 às 17h04

🖌🚌Projeto Grafite, da SSP, homenageia mulheres em paradas de ônibus

COMPARTILHAR

Adriana Machado, da Ascom – SSP/DF

 

Durante o mês de março, a Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP/DF) está realizando uma séria de ações em alusão ao Dia Internacional da Mulher. Como parte destas iniciativas, a partir desta sexta-feira (6) será dado início ao projeto Grafite nas Paradas de Ônibus.

 

Durante todo o mês, sempre às sextas-feiras, as mulheres serão homenageadas por meio da arte gráfica urbana do grafite. Também será feita a divulgação de ações das forças de segurança e outros órgãos governamentais voltadas à atenção e proteção das mulheres e meninas, em especial àquelas em situação de violência.

 

Voluntárias irão produzir as artes em quatro paradas de ônibus – uma por região administrativa – em Planaltina, Recanto das Emas, Samambaia e Sobradinho. Os locais específicos das ações foram definidos em conjunto com as Administrações Regionais de cada cidade, levando-se em consideração a proximidade com as escolas que adotaram o modelo de gestão compartilhada de ensino.

 

Para a diretora de Resolução Pacífica de Conflitos de Conflitos, da SSP/DF, Marina Fernandes, a ação foi pensada para homenagear as mulheres por meio das grafiteiras surgiu em razão da atividade ser principalmente realizada por homens. “Queremos mostrar a que cada vez mais as mulheres atuam na arte urbana, inclusive a professora de grafite da SSP/DF é uma mulher. Nesse sentido, nossa ideia é demonstrar que hoje as meninas e mulheres podem e devem ser o que elas quiserem”.

 

O trabalho terá início sempre às 14h. Enquanto são feitas as pinturas, serão disponibilizados, nas proximidades das paradas de ônibus, serviços às mulheres e divulgação de informações sobre a rede de atenção e proteção deste público, como a DEAM MÓVEL, da Polícia Civil do Distrito Federal, o PRÓ-VÍTIMA, que faz parte da Secretaria de Justiça (SEJUS), atendimentos dos núcleos jurídico e psicossocial, da Defensoria Pública e o Ônibus da Mulher – Secretaria de da Mulher.

 

Integração
Excepcionalmente no 31 de março, que será uma terça-feira, uma parada de ônibus nas proximidades da Clínica da Mulher – que será inaugurada no final da Asa Sul ainda este mês – receberá o grafite das voluntárias.

 

Ações no mês da mulher
Nesta quinta-feira (5), a SSP/DF lançou, em parceria com a Secretaria de Educação do DF (SEE/DF), com o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e a ONU Mulheres lançou, vídeos com animações da Turma da Mônica. A temática das animações é a da construção de relações saudáveis entre meninos e meninas, com vistas ao enfrentamento à violência contra a mulher. A ideia é disseminar valores relacionados ao respeito, tolerância e empatia entre estudantes de 7 a 17 anos, com expectativa de atingir de 700 mil a 1 milhão de alunos da rede de ensino do Distrito Federal.

 

Nesta semana também será relançada pela pasta a campanha de prevenção ao feminicídio – #MetaaColher com dados atualizados sobre esse tipo de crime no DF.

 

Com o slogan “A melhor arma contra o Feminicídio é a colher”, o movimento se pauta em estatísticas levantadas pela Câmara Técnica de Monitoramento de Homicídios e Feminicídios (CTMHF) da SSP/DF. Uma delas constatou que mais de 70% dos crimes no DF acontecem dentro de casa, em contexto de violência no ambiente familiar, longe da intervenção do Estado.

 

 

Edição: Lanna Morais

Foto: Divulgação SUPREC